Na montanha nascem os rios

Onde nascem os rios. Onde as nuvens tocam a cara. A montanha. O caminho que sobe pé, mas desce água. Assim, na Serra da Graciosa, pegando a direção de quem vai pro Sete e Mãe Catira, subi com o Bolívia. Lá no alto, a chuva apertou. A volta embalada em discussões sobre o exercício da paternidade. Em suma, foi um sábado molhado na montanha, fazendo montanhismo – que é do que a gente gosta, e testemunhando a natureza parir seus bebês de água.

Fique Informado

Escolha a maneira como você gostaria de ser avisado dos próximos posts

Bookmark & Share

Compartilhe com os seus camaradas

Nenhum comentário

Seja o primeiro a escrever um comentário

Comente